OBJETIVOS DO BLOGUE

Olá, bem-vindo ao blog "Chaves para a Sabedoria". A página objetiva compartilhar mensagens que venham a auxiliar o ser humano na sua caminhada espiritual. Os escritos contém informações que visam fornecer elementos para expandir o conhecimento individual, mostrando a visão de mestres e sábios, cada um com a sua verdade e experiência. Salientando que a busca pela verdade é feita mediante experiências próprias, servindo as publicações para reflexões e como norte e inspiração na busca da Bem-aventurança. O blog será atualizado diariamente com postagens de textos extraídos de obras sobre o tema proposto. Não defendemos nenhuma religião em especial, mas, sim, a religiosidade e a evolução do homem pela espiritualidade. A página é de todos, naveguem a vontade. Paz, luz, amor e sabedoria.

Osmar Lima de Amorim


quinta-feira, 3 de outubro de 2013

REENCARNAÇÃO: VIAGEM DA ALMA PARA A PERFEIÇÃO (1ª PARTE)

"Reencarnação é o progresso de uma alma ao longo de muitas vidas no plano terreno, à semelhança das muitas séries em uma escola, antes de 'diplomar-se' na perfeição imortal da união com Deus. Almas que vivem em estado imperfeito (inconscientes de sua divina identidade com o Espírito) não entram, por ocasião da morte do corpo físico, automaticamente em estado de realização divina. Somos feitos à imagem de Deus, mas pela identificação com o corpo físico, dele assumimos imperfeições e limitações. Enquanto a imperfeita consciência humana de mortalidade não for removida, não poderemos voltar a ser deuses.

Um príncipe fugiu do lar palaciano e procurou abrigo em uma favela. Embriagando-se e convivendo com pessoas de mau caráter, aos poucos perdeu a lembrança de sua verdadeira identidade. Só depois que seu pai o encontrou e levou-o de volta para o palácio, ele se recordou que era, na verdade, um príncipe.

Todos nós também somos filhos do Rei do Universo, fugidos do lar espiritual. Encerramo-nos por tanto tempo em corpos humanos que esquecemos nossa herança divina. Em numerosos regressos à terra, desenvolvemos novas imperfeições e novos desejos. Assim voltamos para cá repetidas vezes, até satisfazer todos os desejos ou eliminá-los totalmente, pelo desenvolvimento da sabedoria. Precisamos satisfazer nossos desejos ou, então, com o cultivo da sabedoria, acabar com todos definitivamente. No entanto, pouquíssimas pessoas saem da roda de nascimentos e mortes pela tentativa de satisfazer os desejos. A natureza do desejo faz com que, uma vez 'satisfeito', a vontade de repetir a experiência aumente ainda mais seu controle sobre a pessoa, a não ser que seja alguém de mente muito forte.¹ (...)"

¹ 'O iogue unido a Deus, abandonando (o apego a) frutos das ações, atinge a paz imperturbável (paz nascida da autodisciplina). O homem que não se uniu a Deus é governado pelos desejos e por tall apego permanece na escravidão' (Bhagavad Gita V:12) 

(Paramahansa Yogananda - A Eterna Busca do Homem - Self-Realization Fellowship - p. 214/215)


Nenhum comentário:

Postar um comentário