OBJETIVOS DO BLOGUE

Olá, bem-vindo ao blog "Chaves para a Sabedoria". A página objetiva compartilhar mensagens que venham a auxiliar o ser humano na sua caminhada espiritual. Os escritos contém informações que visam fornecer elementos para expandir o conhecimento individual, mostrando a visão de mestres e sábios, cada um com a sua verdade e experiência. Salientando que a busca pela verdade é feita mediante experiências próprias, servindo as publicações para reflexões e como norte e inspiração na busca da Bem-aventurança. O blog será atualizado diariamente com postagens de textos extraídos de obras sobre o tema proposto. Não defendemos nenhuma religião em especial, mas, sim, a religiosidade e a evolução do homem pela espiritualidade. A página é de todos, naveguem a vontade. Paz, luz, amor e sabedoria.

Osmar Lima de Amorim


quarta-feira, 4 de junho de 2014

A NATUREZA E SEUS VALORES OCULTOS

"É o Infinito, o Oceano de Poder, que está por trás de todas as manifestações fenomênicas. A sede de atividade mundana mata em nós o senso de reverência espiritual. Deixamos de perceber a Grande Vida subjacente a todos os nomes e formas porque a ciência moderna nos diz como utilizar os poderes da Natureza. A familiaridade com a Natureza cultivou o desprezo por seus segredos finais; nossa relação com ela é de caráter prático. Nós a cutucamos, digamos assim, para descobrir os meios de forçá-la a servir nossos propósitos; usamos suas energias, cuja Fonte ainda permanece desconhecida. Na ciência, nossa relação com a Natureza é como que existe entre um homem arrogante e seu criado; ou, em sentido filosófico, a Natureza é como um prisioneiro no banco das testemunhas. Nós a interrogamos repetidas vezes, nós a desafiamos, e minuciosamente pesamos seu depoimento, em balanças humanas inadequadas para medir seus valores ocultos.

'Por outro lado, quando o ser está em comunhão com um poder superior, a Natureza automaticamente obedece, sem esforço e sem tensões, à vontade do homem. Este domínio fácil sobre a Natureza é chamado de 'milagroso' pelo materialista que não o compreende."

(Paramahansa Yogananda - Autobiografia de um Iogue - Ed. Lótus do Saber, Rio de Janeiro, 2001 - p. 362) 
http://www.omnisciencia.com.br/livros-yogananda/autobiografia-de-um-iogue.html


Nenhum comentário:

Postar um comentário