OBJETIVOS DO BLOGUE

Olá, bem-vindo ao blog "Chaves para a Sabedoria". A página objetiva compartilhar mensagens que venham a auxiliar o ser humano na sua caminhada espiritual. Os escritos contém informações que visam fornecer elementos para expandir o conhecimento individual, mostrando a visão de mestres e sábios, cada um com a sua verdade e experiência. Salientando que a busca pela verdade é feita mediante experiências próprias, servindo as publicações para reflexões e como norte e inspiração na busca da Bem-aventurança. O blog será atualizado diariamente com postagens de textos extraídos de obras sobre o tema proposto. Não defendemos nenhuma religião em especial, mas, sim, a religiosidade e a evolução do homem pela espiritualidade. A página é de todos, naveguem a vontade. Paz, luz, amor e sabedoria.

Osmar Lima de Amorim


sábado, 27 de setembro de 2014

O DEUS SUPREMO

"Essa força é benevolente ou malevolente? Vejo-a como puramente benevolente. Pois posso perceber que em meio à morte, a vida persiste; em meio à inverdade, a verdade persevera. Em meio à escuridão, a luz impera. Desse modo, entendo que Deus seja a vida, a verdade e a luz. Ele é o amor. Ele é o bem supremo.

Deus é totalmente bom. Não há mal dentro dele. Deus fez o homem à própria imagem. Infelizmente para nós o homem se amoldou a partir de si mesmo. E essa arrogância levou a humanidade a um mar de problemas. Deus é o perfeito alquimista. Em sua presença todo o ferro e todo o lixo se transformam em ouro puro. Similarmente, todo o mal se transfigura no bem.

Mais uma vez, Deus vive, mas não como nós. Suas criaturas só existem para morrer. Deus é vida, portanto, a bondade e tudo o que ela significa não é um atributo. A bondade é Deus. A bondade expressa fora de Deus é algo sem vida. [...] O mesmo ocorre com todos os padrões de conduta. Se eles devem habitar o nosso interior, precisam ser considerados e cultivados em sua relação com Deus. Tentamos nos tornar bons, pois queremos alcançar e realizar Deus. Contudo, todas as éticas materiais do mundo se tornam pó, uma vez que fora de Deus elas não têm vida. Vindo de Deus elas celebram a vida. Elas se transformam em parte de nós e nos tornam nobres."

(Mahatma Gandhi - O Caminho da Paz - Ed. Gente, São Paulo, 2014 - p.28)


Nenhum comentário:

Postar um comentário