OBJETIVOS DO BLOGUE

Olá, bem-vindo ao blog "Chaves para a Sabedoria". A página objetiva compartilhar mensagens que venham a auxiliar o ser humano na sua caminhada espiritual. Os escritos contém informações que visam fornecer elementos para expandir o conhecimento individual, mostrando a visão de mestres e sábios, cada um com a sua verdade e experiência. Salientando que a busca pela verdade é feita mediante experiências próprias, servindo as publicações para reflexões e como norte e inspiração na busca da Bem-aventurança. O blog será atualizado diariamente com postagens de textos extraídos de obras sobre o tema proposto. Não defendemos nenhuma religião em especial, mas, sim, a religiosidade e a evolução do homem pela espiritualidade. A página é de todos, naveguem a vontade. Paz, luz, amor e sabedoria.

Osmar Lima de Amorim


domingo, 25 de novembro de 2012

O DESPERTAR DA INTUIÇÃO DA ALMA


E, acercando-se dele os discípulos, disseram-lhe: Por que lhes falas por parábolas? Ele, respondendo, disse-lhes: Porque a vós é dado conhecer os mistérios do reino dos céus, mas a eles não lhes é dado. (...) Por isso lhes falo por parábolas: porque eles, vendo, não vêem; e ouvindo, não ouvem nem compreendem. (Mateus 13:10-11, 13).

“Quando os discípulos perguntaram a Jesus por que ensinava o provo com ilustrações sutis de parábolas, ele respondeu: “Porque está determinado que vós, meus verdadeiros discípulos, que viveis uma vida espiritualizada e disciplinais vossas ações de acordo com meus ensinamentos, mereceis compreender – em virtude do despertar interior em vossas meditações - a verdade dos arcanos mistérios do céu e de alcançar o reino de Deus, a Consciência Cósmica oculta por trás da criação vibratória da ilusão cósmica.

“Mas pessoas comuns, despreparadas em sua receptividade, não podem compreender nem praticar as verdades mais profundas da sabedoria. Por meio de parábolas, elas absorvem gradualmente, de acordo com sua compreensão, verdades mais simples, da sabedoria que lhes revelo. Pela aplicação prática do que são capazes de receber, fazem algum progresso para a sua redenção.” (...)

Como podem as pessoas receptivas perceber a verdade, enquanto as não receptivas “vendo, não vêem: e, ouvindo, não ouvem nem entendem”? As derradeiras verdades a respeito do céu e do reino de Deus, a realidade que está por trás da percepção sensorial e para além das cogitações da mente racional, podem ser apreendidas apenas por meio da intuição: despertando-se o conhecimento intuitivo, a pura compreensão própria da alma.” 

(Paramahansa Yogananda – A Yoga de Jesus p. 47/48)


Nenhum comentário:

Postar um comentário